Doenças raras: o caminho para o tratamento

rarasA descoberta ou desenvolvimento de um tratamento para qualquer doença exige:

a) investimento em pesquisa nas áreas de medicina e farmacologia;

b) investimento na formação dos médicos, na estrutura necessária para o tratamento e na produção dos medicamentos destinados a essa doença.

No entanto, há doenças consideradas “raras”, por acontecerem a muito poucas pessoas em comparação com doenças mais comuns. Esse tipo de doença gera dificuldades adicionais aos pacientes, porque a informação sobre elas circula menos e porque elas recebem pouco investimento, seja em pesquisa, seja em estrutura de atendimento.

Fazer a informação circular é fundamental para os portadores de doenças raras conseguirem chegar a uma melhor qualidade de vida. Por isso, aqui no Geral na Saúde teremos um tópico destinado apenas a esse campo.