Paralisia facial: saiba mais sobre o tema

Paralisia facial

Os procedimentos odontológicos em que é utilizado um sedativo pode levar à paralisia facial momentânea, podendo durar de uma a 12 horas. A aplicação do produto ocorre para que o paciente não sofra nenhuma dor durante a visita ao dentista, anestesiando os nervos.

Contudo, esse caso se trata de uma paralisia controlada e que não apresenta riscos, mas existem diversos fatores que podem acarretar em uma paralisia facial, precisando ser entendida e controlada.

Por exemplo, em casos mais graves, uma lesão nos nervos pode fazer com que a pessoa perca os movimentos do rosto. Os músculos da face ficam flácidos, dando o aspecto caído, e fracos, interferindo em diferentes aspectos e sensações. 

Inclusive, no caso da paralisia de Bell, como também é conhecida a paralisia facial por lesão de um nervo, diversas funções ficam prejudicadas, entre elas:

  • Controle da saliva bucal;
  • Interferência na sensação palativa;
  • Canal lacrimal sem controle;
  • Perda de movimento muscular do rosto.

Ou seja, são funções importantes e que podem ser recuperadas, desde que o paciente passe por um tratamento adequado e faça visitas regulares a profissionais da área da saúde, inclusive dentistas.

Clínicas formam rede ampla de atendimento

As pessoas que são acometidas por esse tipo de problema de saúde podem ser assistidas por um profissional da área da odontologia. 

Se o paciente tiver acesso a um convenio odontológico, ele vai passar por diversos especialistas da área, conforme a extensão da rede de atendimento de clínicas conveniadas, tendo um atendimento completo e multidisciplinar.

Durante a consulta com o profissional, o paciente pode indicar quais os problemas que podem originar a paralisia facial, contribuindo para seu controle.

O dentista pode perceber o problema a partir da dificuldade que o paciente tem ao falar, o piscar de olhos, e indicar se há dores na região da mandíbula e junto às orelhas.

Outras situações que podem ajudar na detecção da origem da paralisia facial está em situações distintas, que podem ser identificadas pelo profissional para o atendimento prévio. Entre elas estão:

  • Perda do paladar;
  • Dor de cabeça constante;
  • Excesso de salivação;
  • Espasmos musculares.

Conforme o tipo do plano odontológico contratado, pode haver a cobertura de todos os custos, inclusive com a formalização de parceria com outros setores da saúde, como clínicas médicas e redes farmacêuticas.

Dessa forma, o paciente que paga mensalmente o plano e pode contar com um retorno adequado quando surge a necessidade de utilizar os benefícios que esse tipo de prevenção oferece.

No caso de não haver uma cobertura expressa, pode ser solicitado junto a operadora e clínica a realização dos tratamentos. Assim, pode haver a liberação para o quadro específico ou ainda o ressarcimento do valor despendido.

Ajuda de custo descontada no holerite

As empresas podem oferecer um plano odonto empresarial aos funcionários para que eles possam fazer visitas regulares ao dentista sempre que possível, o que otimiza e contribui para a qualidade do tratamento, bem como com a realização de medidas de prevenção.

Esse cuidado com o trabalhador é justificado de diversas formas. 

Quando um colaborador se sente acolhido e respeitado, ele possui mais interesse em trabalhar na empresa, e sabe que, se precisar, terá um atendimento adequado sempre que possível, sentido-se valorizado e mais tranquilo quanto aos imprevistos que podem surgir..

Assim, no caso de uma paralisia facial, haverá uma melhor assistência e garantia de cuidados.

Inclusive, uma das primeiras perguntas feitas pelo profissional que vai fazer o atendimento será qual o cargo e a função em que a pessoa trabalha. Dependendo da resposta, pode ser um ponto de partida para o tratamento mais adequado, e adequação das rotinas.

O plano odontológico empresarial pode ser pago em parte pelo contratante e parte pelo contratado, pois assim ambos são beneficiados. 

Da parte corporativa, as empresas conseguem um desconto interessante quanto ao custo quando é feito de maneira conjunta. 

Para os funcionários, o valor é muito menor se o plano fosse pago à parte, como pessoa física, garantindo o tratamento correto para a paralisia sem impactar no orçamento e trazendo mais segurança para esse momento.

Profissionais autônomos podem ter um plano 

Não são apenas as empresas e corporações que podem oferecer um convênio odontológico para os funcionários. O mercado oferece plano dental para MEI (Micro Empreendedor Individual), com as mesmas vantagens.

Tudo vai depender da assistência que será paga, pois há diferentes categorias que podem ser contratadas por meio de uma corretora de seguros. 

Com isso, são oferecidos desde atendimentos simples, como tratamento de cárie e limpeza dentária, até aqueles que atendem pessoas com problemas de paralisia facial ou precisam de um acompanhamento de longo prazo, como no caso de uso de aparelhos ortodônticos.

Outros profissionais auxiliam no tratamento

Além da área da odontologia, um paciente com problema de paralisia facial deve ser acompanhado por outros especialistas, entre eles um fisioterapeuta, um fonoaudiólogo e um otorrinolaringologista.

Em um trabalho conjunto, a recuperação do movimento muscular e recuperação do nervo lesionado pode ser trabalhada de melhor forma.

Os profissionais da área de odontologia ajudam na redução de inflamações que podem atingir toda a via oral, principalmente por estar próximo ao nervo responsável pela mobilidade do rosto. 

A saúde da gengiva, dos dentes, do palato e da língua ajudam a reduzir os danos de uma paralisia facial, proporcionando aos pacientes uma vida livre e, principalmente, sem dores.

Assim, o paciente pode ter sua recuperação estabelecida com tranquilidade, segurança e qualidade, promovendo bem-estar no decorrer do processo de tratamento multiprofissional.

 

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações, dicas e conteúdos ricos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Recommended Posts