Guia do Correspondente do Geral na Saúde

Ficou com vontade de mandar o seu próprio material? Então este guia foi feito pra você!

Antes de mais nada…

O melhor jeito de enviar materiais para o Geral na Saúde é se cadastrando como correspondente para usar o próprio blog para mandar suas postagens.

Para se tornar correspondente do Geral na Saúde, clique aqui.

Para saber como usar o blog, clique aqui.

Se você não quiser ou não puder mandar o material pelo próprio blog, você pode mandar o material para a equipe do Geral na Saúde através do e-mail editor@geralnasaude.com.br. Se precisar de ajuda, mande uma mensagem para o Fale com a gente.

Sobre o quê eu posso escrever?

No Geral na Saúde, nós consideramos que saúde é o bem-estar físico, mental e social, segundo definição da Organização Mundial da Saúde. Isso quer dizer que tudo que pode ter um impacto positivo ou negativo nesse bem-estar é uma questão de saúde. É bastante coisa, né? O que podemos fazer para cuidar melhor  de nossa saúde, e da saúde da nossa família e da comunidade? Dê uma olhada nos textos já enviados pelos correspondentes do Geral na Saúde e nos temas que nós sugerimos para se inspirar.

Você também pode mandar outros tipos de materiais, como fotos, vídeos, ou materiais em áudio. Mas as regras abaixo valem também para eles – afinal, você vai precisar planejar o que é que vai aparecer nesse material.

Já sei sobre o que eu quero escrever, mas não sei bem como…

Um bom jeito de começar a escrever, ou preparar um vídeo ou outro material, é contar tudo o que você sabe sobre o tema e preparar um rascunho. Depois disso, olhe para este rascunho e faça duas perguntas:

1) O que eu preciso explicar para um leitor do Geral na Saúde que não me conhece?

O material que você mandar para o Geral na Saúde poderá ser lido por qualquer pessoa no Brasil, e até por qualquer pessoa que leia ou fale português no mundo! Por isso, você deve considerar que essa pessoa não sabe um monte de coisas que são importantes para ela entender o que você está contando, por exemplo:

a) quem é você, isto é, quantos anos tem, onde mora, onde estuda ou trabalha?

b) por que você se interessou em falar desse tema?

c) que lugar é esse onde acontece o que você está contando? é um bairro? um hospital? uma escola? onde fica?

d) onde você obteve as informações que você está passando? quem contou o quê? você usou a internet ou outras fontes?

2) Que informações podem estar faltando nesse material?

Saúde é coisa séria, então é importante você fazer uma pesquisa para ver se as informações que você tem são confiáveis. É importante:

a) fazer as cinco perguntas mágicas para contar uma história: O QUÊ – QUANDO – ONDE – COMO – POR QUÊ aconteceu ou acontece?

b) se possível, conseguir mais de um ponto de vista sobre o que você está contando; será que você só ouviu a opinião ou a versão de uma pessoa?

c) usar uma fonte confiável de informações (ver abaixo)

Onde posso encontrar informações confiáveis para complementar meu texto?

Existem muitas fontes de informação sobre saúde na internet. No Geral na Saúde nós recomendamos o uso dos materiais já preparados pelo Ministério da Saúde. Para isso, você pode acessar sites como a Biblioteca Virtual do Ministério da Saúde, o Portal da Saúde ou a Biblioteca Virtual da Organização Panamericana de Saúde.

Se quiser fazer pesquisa usando uma ferramenta de busca como o Google, não se esqueça de acrescentar “Ministério da Saúde” ao fim da sua pesquisa (por exemplo, em vez de apendicite escreva apendicite Ministério da Saúde). Isso faz com que materiais preparados pelo Ministério da Saúde sobre o tema que você escolheu apareçam entre os primeiros resultados.

Não deixe de conferir também o canal do Ministério da Saúde no Youtube!

Esses sites são os melhores para você consultar porque eles já possuem materiais fáceis de entender e estão de acordo com os protocolos e a legislação no Brasil. Afinal, nós não podemos passar uma informação que não está de acordo com o que os profissionais de saúde no Brasil podem e devem fazer.

Quando a minha postagem vai ser publicada?

Essa é uma pergunta muito importante! Para a sua postagem ser publicada, ela tem de seguir alguns critérios:

a) Você tem que pedir que o seu material seja publicado através do botão “Enviar para revisão”, e da autorização de publicação que aparece abaixo da caixa onde você coloca seu texto, fotos, ou outros materiais. Essa autorização é importante porque é assim que nós reconhecemos que você é o autor do texto, e que você quer publicar o material. Se quiser publicar anonimamente, escreva no fim do post este pedido que nós fazemos a publicação anônima.

Primeiro leia a autorização e clique se quiser mesmo publicar o post.
Depois de autorizar, envie para o editor ler o post e publicar.

b) Enviar as autorizações de uso de imagem e de voz de todas as pessoas que aparecerem em fotos, vídeos ou materiais em áudio. 

Saiba mais sobre as autorizações clicando aqui.

Clique aqui para ver o modelo de Autorização de Uso de Imagem e de Voz do Geral na Saúde.

c) Respeitar a sua dignidade e a dos envolvidos na história. É possível contar qualquer história com cuidado e respeito, mesmo quando há conflitos entre as pessoas, e isso pode ser feito de várias maneiras. A primeira coisa a considerar é o ponto de vista de cada um, isto é, o que cada um pensa sobre o tema. Tome cuidado com as palavras que você usa para contar uma história, e para não contar apenas a versão que prejudica um dos envolvidos. No caso de a história poder comprometer alguém, é possível preservar o anonimato do correspondente e/ou das pessoas que aparecem na história. Para isso, basta pedir ao editor numa nota na própria postagem, ou então mandando uma mensagem pelo Fale com a Gente.

d) Não promover condutas de risco em sua postagem. O Geral na Saúde é um site educativo e não vamos publicar materiais que promovam condutas que causem risco à saúde ou à dignidade. Para definir quais são esses riscos, nos pautamos nas linhas adotadas pelo Ministério da Saúde e pela legislação brasileira.

e) Manter contato com o editor do site. A editora do site, Luísa Valentini, está à disposição dos correspondentes através do Fale com a gente, do e-mail editor@geralnasaude.com.br e do Facebook. Não hesite em mandar dúvidas ou perguntar sobre a revisão do texto. O contato entre o editor e o correspondente é fundamental para fechar e publicar o material.

Posso fazer denúncias através do Geral na Saúde?

Se você quiser contar alguma situação de mau atendimento em serviço de saúde, ou qualquer problema na garantia dos direitos no lugar onde você vive, você precisa detalhar bem a informação – usando as cinco perguntinhas mágicas de que falamos acima – porque só com informações detalhadas é possível cobrar melhoria no atendimento à população.

Para denunciar mau atendimento no SUS, você pode ligar para o número 136.

Se você precisar fazer uma denúncia de violação de direitos ou de violência, pode contar a história no Geral na Saúde e nós podemos fazer sua postagem ser anônima, mas não deixe de utilizar os canais de denúncia adequados:

Disque 100: para violações de Direitos Humanos

Disque 181: Disque Denúncia

Disque 180: Central de Atendimento à Mulher

Para denunciar a má conduta de policiais no Estado de São Paulo, clique aqui.

 

E não se esqueça: o Geral na Saúde tem uma seção de Instruções para os correspondentes! 

Conheça a política de privacidade do Geral na Saúde.

Se você ainda tiver dúvidas, Fale com a gente!