Cansaço e álcool, o que tem a ver?

Sou o Eric de Oliveira,  nasci em São Paulo, tenho 17 anos.

Minha saúde não anda bem  porque já faz uns dias que eu não pratico alguns esportes porque toda vez que vou praticar algum esporte meu corpo cansa muito rápido.

Acho que por falta de praticar mais atividade física no dia a dia.

Quando eu era mais novo, entre 10 e 16 anos eu jogava bola com meus colegas, mas hoje em dia é mais raro.

Agora eu prefiro sair mais do que praticar esporte, curtir uns bailes e beber.

O que álcool tem a ver com cansaço?

Todo mundo conhece a famosa e temida ressaca. A sensação do dia seguinte de beber álcool, muita dor de cabeça, enjôo e cansaço.

Mas essa não é a única consequência de ingerir muita bebida alcoólica. Existem estudos que entender buscar o efeito do álcool no nosso corpo a longo prazo, e não somente no dia seguinte.

A longo prazo, a ingestão da substância está associada a várias condições, entre elas o câncer da mama, câncer oral, doenças cardíacas, derrames e cirrose hepática, entre outras.

Por outro lado, há estudos que concluíram que, ingerida com moderação, a substância pode ter um efeito benéfico, ajudando a proteger o coração ao elevar os índices de bom colesterol no organismo e impedir a formação de coágulos sanguíneos.

O que se sabe com certeza sobre o tema:

  • A ingestão de mais de três copos de bebida alcoólica por dia prejudica o coração.
  • Tomar muito álcool,  especialmente por muito tempo, pode resultar em pressão alta, cardiomiopatia alcoólica, falência cardíaca e derrames, além de aumentar a circulação de gorduras no organismo.

Você sabia que o álcool também pode dar: