Virgindade – fatos e boatos

É verdade que um homem com fimose pode se machucar durante sua primeira relação sexual?

Sim. A fimose é dificuldade de expor a glande – a cabeça do pênis. Os homens nascem com a pele do prepúcio sobre a glande. Até os três anos de idade a pele pode se desgrudar naturalmente. Se isso não acontece, o menino pode passar por uma cirurgia para tirar essa pele e expor sua glande. Se a pele não se desgrudou naturalmente e não houve cirurgia, o homem pode se machucar na sua primeira relação, tendo sangramentos e machucados. Por isso, é importante consultar um médico. Mesmo antes da primeira relação, o homem com fimose deve consultar um urologista, pois a fimose pode causar infecção ou inflamação no pênis.

É verdade que toda a mulher tem sangramento na primeira relação sexual? Toda primeira vez da mulher dói muito?

Não. Nem toda mulher tem sangramento e isso não é um problema. O sangramento pode ser causado no momento do rompimento do hímen (uma pele que há dentro da vagina e que se rompe na primeira penetração), mas nem sempre ele acontece. A dor também não é sempre presente. Muitas mulheres sentem dor porque estão tensas e pouco lubrificadas. Elas contraem os músculos da vagina que eventualmente fica também seca, o que possibilita mais atrito durante a relação. Quanto mais calma estiver a mulher, menor a chance de ter dor. Se a mulher estiver com vontade de ter a relação, ela ficará lubrificada e mais tranquila.

E o uso do absorvente interno? Dói? Uma menina virgem pode ter o hímen rompido ao usar este absorvente?

Se uma mulher que ainda é virgem e quer usar o absorvente interno, ela deve procurar seu médico. Dependendo de como for seu corpo, o absorvente pode sim romper seu hímen. Mas muitas vezes isso não acontece. Existem absorventes internos pequenos, pensados justamente para mulheres que ainda não tiveram sua primeira relação sexual.

Dizem que homens e mulheres não são contaminados por nenhuma DST na primeira vez. É verdade? E a gravidez? Ela pode ocorrer na primeira vez da mulher?

Não, é mentira. Basta uma relação sexual para que a pessoa possa contrair alguma doença. A mesma resposta vale para gravidez. O contato com o sangue ou o sêmen de uma pessoa que possui alguma DST é o que pode causar a transmissão. A mulher no período fértil que tem relações com um homem pode engravidar. Isso não depende da primeira vez.

Existem mulheres que tomam pílula anticoncepcional, mas dizem que são virgens. É verdade que uma mulher virgem pode tomar a pílula?

Sim. Muitos médicos recomendam pílula anticoncepcional a mulheres virgens, pois é possível tratar alguns problemas de saúde com este medicamento. Mulheres que têm muita cólica pré-menstrual ou que têm muitas espinhas podem começar um tratamento com pílula. Além disso, o anticoncepcional também pode ajudar na regulação do fluxo menstrual e dos hormônios. Isso não significa necessariamente que elas já têm a vida sexual ativa.

 

Para saber mais, acesse este documento do Ministério da Saúde e saiba mais sobre fimose neste texto do Blog Saúde do Ministério.