Passeio à Bienal de Artes

por Emily Santos de Paula, 11 anos

 

No dia 24 de outubro, nós fomos à Bienal das Artes, que fica no parque Ibirapuera.

Nós usamos o banheiro, bebemos água, fomos para o portão da Bienal e esperamos um pouco para entrar. A monitora Viviane falou para nos levantarmos e nos alongarmos. Depois de um tempo a gente entrou na Bienal.

A Viviane pediu para o pessoal sentar em roda em baixo de uma árvore chamada baobá. Ela contou um pouco da historia do baobá. Tinha um livro que contava toda a história dele.

E a monitora Viviane cantou uma musica para nós, e depois a gente foi ver um vídeo de um índio, que se sentia invisível. Depois que o vídeo acabou, a Viviane pediu para a gente fazer uma roda em volta dela e perguntou se alguém se sentia invisível: alguns falavam que sim e alguns disseram que não.

Uma das obras que vimos na Bienal

Depois a Viviane levou a gente para um lugar que tinha um espelho que a gente via as pessoas do outro lado, mas não via a gente.

Depois nós fomos para o portão de saída, fizemos uma fila e saímos. Brincamos um pouco até a turma da Meire chegar. Quando a turma da Meire chegou, nós voltamos para o ônibus e viemos embora.

 

Obra Social Santa Rita de Cássia /CCA São Francisco de Assis

Vitoria e Gustavo contam a história do baobá!

Veja aqui como pedir uma visita orientada à Bienal