Uma surpresa: nódulos na tireóide

Muita gente já ouviu falar de alguém que teve nódulos na glândula tireóide.

Nosso correspondente jovem Henrique Coelho, que mora no Jardim Iporã e tem 16 anos,  conta uma história que aconteceu com a mãe dele. 

Minha mãe, Marinalva Inácia, tem 43 anos e é uma costureira dedicada ao seu trabalho. No final de 2009, após alguns exames, descobriu três nódulos na tireóide.

Assim que ficou sabendo do resultado, bateu o desespero por não saber do que se tratava. A família toda ficou abalada diante do seu desespero. Com a realização de mais exames veio a surpresa:  ela tinha sofrido um aborto espontâneo. Isso a abalou ainda mais.

Mas Deus sabe o que faz, pois não seria possível realizar a cirurgia se ela estivesse grávida. E não fazer a cirurgia, poderia agravar ainda mais seu estado de saúde.

Ainda sem saber a gravidade dos nódulos, ainda não sabíamos o que fazer ou como buscar uma forma de ajudá-la. Então procuramos dar o máximo de carinho a ela. Aos poucos, foram surgindo leves sorrisos, mais isso era tudo o que faltava para ela criar forças e entender que poderia vencer.

Então chegou o dia de fazer os exames finais para saber a gravidade dos nódulos. Felizmente eram benignos, mas ainda seria necessário fazer a cirurgia, considerada arriscada, pois um dos nódulos estava atrás da veia jugular (veia que transporta sangue do crânio e do sistema nervoso) e qualquer erro poderia ser fatal.

A operação foi realizada no dia 10/03/2010. Graças a Deus foi um sucesso!

Quinze dias após ter alta do hospital, ela realizou uma seção de radioterapia, tendo de ficar isolada sete dias. No início,  visitava o médico de 15 em 15 dias, mas atualmente toma remédio controlado e vai ao médico de seis em seis meses.

Você já tinha ouvido falar na glândula tireóide? Leia mais:

Tireoide: Saiba mais sobre a glândula que é essencial para o bom funcionamento do organismo (Blog da Saúde – Ministério da Saúde)

Entendendo a tireóide (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia)