Como ajudar quando alguém próximo está com câncer?

Recebemos uma pergunta no “Num Sei!” sobre o que é possível fazer para ajudar quando uma pessoa próxima está com câncer.

Ao descobrirmos que alguém da nossa família ou um amigo está com câncer ficamos muito assustadependent-441408_640dos, o que é normal, mas é preciso tentar manter a calma, pois esta pessoa precisará de todo nosso apoio, carinho e paciência.

O termo “câncer” se refere a um número grande de doenças referentes entre si. Se a pessoa quiser contar para você qual o tipo de câncer que ela está enfrentando, vale a pena se informar sobre ele, fazendo pesquisas na internet, perguntando para profissionais de saúde ou mesmo outras pessoas que tenham vivido esta situação. Desta forma você, além de compreender a fase que a pessoa está vivendo, saberá como melhor ajudá-la.

Normalmente algumas mudanças e adaptações são necessárias quando se inicia o tratamento do câncer. Pergunte para as pessoas da sua família ou seu amigo como você pode ajudar, e mesmo que não haja nada que você possa fazer, mostre-se disponível, assim quando precisarem saberão que podem contar com você. Fazer companhia e ajudar nas coisas da casa pode ajudar muito.

 

Antes de visitar sempre ligue e pergunte para a pessoa ou alguém da família qual o melhor dia e horário para ir. Procure não ir logo após uma sessão de quimioterapia ou mesmo da cirurgia, é normal a pessoa sentir náuseas e vômitos, dores e estar cansada, portanto este não é um bom momento para visitas. Depois de alguns dias, os efeitos colaterais passam e a pessoa se sente melhor; este sim é um momento melhor para visitas ou até mesmo para levar a pessoa para fazer um passeio.

Procure conversar sobre outras coisas além do câncer, assuntos que façam a pessoa se sentir alegre e pensar menos sobre a doença. Conte como estão as coisas no bairro, sobre a priminha que nasceu, converse sobre sua vida, pergunte sua opinião sobre uma situação que está vivendo, desta forma ela também poderá se sentir útil. Mas caso ela queira falar sobre a doença ouça, seja paciente e respeite este momento, é importante para ela se expressar, dizer o que está sentindo. Você ser escolhido para este momento de desabafo mostra que ela gosta de muito você e se sente bem em sua companhia, por isso não tenha medo de demonstrar seus sentimentos, chore (se quiser), dê um abraço apertado, seja sempre bastante carinhoso com ela.

Com relação aos cuidados do dia-a-dia, pergunte aos profissionais de saúde como melhor agir, por exemplo, como trocar um curativo, ajudar a dar banho, dar remédios e comida quando a pessoa não conseguir sozinha, deixar confortável o local em que ela está deitada ou sentada, colocando almofadas macias, fazer massagens, etc.

O mais importante é sempre lembrar a pessoa que você está disponível a ajudá-la no que for preciso e dar muito amor e carinho para que ela consiga enfrentar esse momento com mais leveza.

 

Veja aqui um guia feito pelo INCA sobre como cuidar de pacientes acamados.

Encontre aqui o guia de “Ajuda para os familiares” produzido pelo Boldrini

E saiba mais sobre como ajudar um amigo com câncer nas páginas do Instituto Oncologia